terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Lâmpadas de baixa eficiência custam mais a partir de Março


A taxa sobre as lâmpadas, uma das que vão reverter para o Fundo de Carbono, vai começar a ser aplicada a partir de Março. O Ministério da Economia e da Inovação já publicou em Diário da República a portaria que determina a aplicação de uma taxa sobre lâmpadas de baixa eficiência energética, com o objectivo de compensar os custos ambientais decorrentes da sua utilização.

A taxa sobre as lâmpadas de baixa eficiência energética incide sobre lâmpadas incandescentes de utilização genérica, sem halogéneo, de qualquer formato ou tipo de acabamento.

in Portal do Ambiente

1 comentário:

Nídia disse...

Olha a iniciativa da Quercus que pede o fim da venda de lâmpadas incandescentes em 2011 em http://www.quercus.pt/scid/webquercus/defaultArticleViewOne.asp?categoryID=567&articleID=2330